Porque devem ser promovidas culturas de saúde no setor da indústria?

950 450 Bruno Dolbeth
  • 0

Estima-se que 83,3% das mortes relacionadas com o trabalho, advém das doenças ocupacionais, e acidentes de trabalho revelam os restantes 13,7%.

Dado isto, nos últimos anos tem crescido uma preocupação em desenvolver iniciativas para promover a saúde, o bem estar e a segurança no local de trabalho, e assim, tornar os colaboradores fisicamente e psicologicamente mais saudáveis.

Um dos setores de maior destaque para promoção de saúde, é o da indústria. Colaboradores deste setor, estão sujeitos à exigência de muito esforço físico. A movimentação de cargas, os movimentos repetitivos, o estar sempre na mesma posição, a má postura e o ritmo acelerado, fazem parte deste tipo de trabalho. Estas condições ao longo do tempo, terão consequências na saúde destes colaboradores e lesões irão surgir, as chamadas lesões músculo-esqueléticas (LMERT).

As LMERT são das doenças ocupacionais mais prevalentes, e afetam milhões de colaboradores mundialmente. Estas influenciam geralmente a zona dorso-lombar, cervical, ombros e membros superiores. Dores intensas ou situações clínicas mais graves como lombalgias ou tendinites, podem afetar os colaboradores deste setor, obrigando-os a faltar ao trabalho e a receber inclusivamente tratamento médico.

Isto é um prejuízo não só para o colaborador, mas também para produtividade e desempenho da empresa. É importante que os responsáveis falem com os seus colaboradores, e saibam o que estes sentem em relação às suas condições de trabalho, em ordem de abordar possíveis problemas para facilitar a sua solução.

Damos-lhe uma sugestão de medidas preventivas que pode adotar, para combater o aparecimento das LMERT junto dos seus colaboradores:

• Garantir que os equipamentos são ergonomicamente adequados para as funções
• Sensibilizar e dar formação aos colaboradores sobre os riscos inerentes da função
• Fazer uma melhor gestão, de forma a evitar o trabalho repetitivo ou prolongado em posturas incorretas
• Facultar formação para a correção das más posturas
• Incentivar os colaboradores a fazerem pausas ativas

É importante que as empresas do setor da indústria, tenham uma preocupação em incluir uma cultura de saúde e segurança para os seus colaboradores, na sua responsabilidade social.

 

Bibliografia

Direção-Geral de Saúde. (2018). Programa Nacional de Saúde Ocupacional Extensão 2018-2020. Lisboa.

Marsh, G., Lewis, V., Macmillan, J., & Gruszin, S. (2018). Workplace wellness: industry associations are well placed and some are ready to take a more active role in workplace health. Retrieved 28 November 2019, from https://bmchealthservres.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12913-018-3364-7

Mette, J., Garrido, M., Preisser, A., Harth, V., & Mache, S. (2018). Workplace health promotion for employees working in offshore wind parks in the German exclusive economic zone: a mixed-methods study.

Lesões musculosqueléticas. (2019). Retrieved 28 November 2019, from https://osha.europa.eu/pt/themes/musculoskeletal-disorders

Author

Bruno Dolbeth

All stories by: Bruno Dolbeth

Olá, tudo bem com você? Entre em contato comigo via whatsapp aqui.